Projetos na área da educação

Apoio a centros de ciências e difusão científica

  • Estação Ciência da Universidade de São Paulo
    Aperfeiçoamento da qualidade do atendimento oferecido ao público em geral e aos professores e alunos do ensino básico em particular, através da modernização e ampliação do acervo de exposições permanentes.
  • Fundação Oswaldo Cruz – Escola Politécnica de Saúde, RJ
    Extensão do programa de iniciação científica de estudantes do ensino médio em ciências biológicas, para Belo Horizonte, Salvador e Recife, e implantação para as áreas de matemática, física, química e computação científica, no Rio de Janeiro.
  • Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro
    Instalação de ambientes dirigidos à modernização e aperfeiçoamento do ensino de astronomia nos níveis fundamental e médio.
  • Fundação Universidade Estadual de Maringá, PR
    Implantação de laboratórios didáticos no Núcleo de Integração e Apoio ao Ensino de Ciências, para desenvolvimento de programas de aperfeiçoamento do ensino fundamental e médio.
  • Instituto de Física da Universidade Federal do Rio Grande do Sul
    Implantação de um programa itinerante de aperfeiçoamento de professores de ciências do ensino médio em conteúdos e métodos de ensino de astronomia.
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
    Consolidação do Museu de Ciências e Tecnologia através da montagem de exposições permanentes interativas, implantação de unidades de produção e manutenção de equipamentos e laboratórios para cursos de aperfeiçoamento de professores e alunos da rede escolar, visando a promover a difusão científica e suplementar e aprimorar o ensino de ciências e matemática.
  • Sociedade de Promoção da Casa de Oswaldo Cruz, RJ
    Implantação de mostra permanente sobre ótica, acústica e percepção em geral, no “Museu da Vida”, visando à melhoria do ensino de ciências na rede de ensino público.
  • Universidade Federal do Ceará
    Aperfeiçoamento e integração de atividades de difusão científica e treinamento de professores desenvolvidas no Clube de Ciências da Universidade.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro
    Implantação de um espaço de exposição permanente e de um programa de formação continuada de professores de ciências do ensino básico.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro
    Contribuição para a realização do Seminário Internacional sobre a Implantação de Museus e Centros de Ciências.
  • Vitae – Levantamento dos Centros de Ciências no Brasil
    Estudo sobre o perfil institucional de alguns Centros e Museus de Ciências brasileiros.


Educação técnica de nível médio

  • Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais – INPE,SP
    Incorporação de conhecimentos e tecnologias relacionados à agrometeorologia no currículo de escolas técnicas agrícolas de nível médio.
  • Programa Vitae de Apoio ao Ensino Técnico e Agrotécnico
  • Apoio a projetos de modernização curricular e tecnológica de escolas de formação profissional, selecionados em bases competitivas.
  • Programa de capacitação para montador de móveis RJ


Treinamento de professores e elaboração de material didático

  • Escola Técnica Federal de Santa Catarina
    Instalação de laboratórios de informática e treinamento de professores da rede de escolas públicas na utilização de recursos de informática, multimídia e telemática.
  • Fundação Padre Leonel Franca, RJ
    Desenvolvimento de um site na Internet para apoio à busca de informações organizadas sobre conteúdos curriculares do ensino básico.
  • Fundação para o Desenvolvimento da Educação, SP
    Desenvolvimento de projetos colaborativos entre escolas da rede pública estadual de São Paulo e de outros países, com base na utilização da informática e de tecnologias de telecomunicações.
  • Instituto de Biologia da Universidade Estadual de Campinas, SP
    Aperfeiçoamento da formação científica de professores e estudantes do ensino médio na área de ciências biológicas.
  • Instituto de Física da Universidade de São Paulo
    Instalação de ambientes educacionais informatizados e implementação de uma rede eletrônica de aprendizagem, reunindo professores universitários, especialistas, e professores e alunos do ensino médio da rede pública estadual de São Paulo.
  • Programa Vitae de Aperfeiçoamento de Professores do Ensino Médio
    Continuação do programa de aperfeiçoamento de professores do ensino médio, direcionado agora exclusivamente para a área de língua portuguesa, ministrado por redes nacionais de instituições universitárias.
  • Secretaria da Educação do Estado do Ceará
    Implantação de três centros-piloto de educação continuada de professores do ensino fundamental e médio.
  • Secretaria de Educação e Esportes de Pernambuco
    Implantação de 17 núcleos de capacitação permanente de professores e preparação de professores da rede pública para uso de recursos de informática na educação.


Modelos alternativos de escolas e inovações pedagógicas

  • Centro de Educação de Jovens e Adultos, PE
    Implantação de modelo pedagógico para sanar a defasagem idade/série de alunos do ensino fundamental e preparação de equipe do sistema escolar local para a adoção da metodologia.
  • Escolas Famílias Agrícolas
    Contribuição para a melhoria da qualidade do ensino através da capacitação de professores, ampliação do acervo de recursos didáticos e aperfeiçoamento das atividades produtivas, nas seguintes Escolas Famílias Agrícolas: Cícero Dantas, Inhambupe, Iuiu, Macaúbas, Monte Santo e Riacho de Santana (BA), São Gabriel da Palha (ES), São Luís Gonzaga (MA) e Cacoal (RO).
  • Prefeitura Municipal de Campo Formoso, BA
    Construção e implementação de uma escola rural sob a responsabilidade do governo municipal, de acordo com o modelo pedagógico da Escola Rural Rolf Weinberg.
  • Prefeitura Municipal de Ribeira do Pombal, BA
    Criação de uma biblioteca/videoteca itinerante, instalada em um ônibus especialmente adaptado, e desenvolvimento de um programa de atividades em apoio ao aperfeiçoamento da leitura e da escrita nas escolas e comunidades rurais.
  • Secretaria Municipal de Educação de Aracaju, SE
    Implantação de “classes de aceleração” na rede municipal de ensino, visando a reduzir e, a médio prazo, eliminar a defasagem idade/série.
  • União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação, SP
    Implantação de um programa permanente de capacitação de gestores municipais de educação.
  • Universidade Estadual de Feira de Santana, BA
    Projeto piloto para elaboração de um modelo de aperfeiçoamento do ensino municipal baseado na construção pela comunidade escolar de projetos pedagógicos integrados.

Outros

  • Academia de Ciências do Estado de São Paulo
    Bolsas de estudo para estudantes do ensino médio, de famílias de baixa renda, premiados em Olimpíadas de Matemática.
  • The British Council, SP
    Programa de intercâmbio de especialistas entre o Brasil e a Grã-Bretanha.
  • Vitae – Antorchas – Andes
    Programa de cooperação científico-acadêmica de pesquisadores brasileiros, argentinos e chilenos.
  • Vitae – Comissão Fulbright
    Programa de intercâmbio entre o Brasil e os Estados Unidos para aperfeiçoamento de estudantes e profissionais nas áreas prioritárias de Vitae.

Breve História

Vitae é uma associação civil sem fins lucrativos, que apoia projetos nas áreas de Cultura, Educação e Promoção Social. É possível solicitar o apoio de Vitae a projetos isolados ou inseridos nos programas especiais da entidade. As solicitações de apoio a projetos isolados devem se enquadrar nas linhas de ação de Vitae, podendo ser encaminhadas em qualquer época do ano. Programas são concursos anuais com regulamentos e prazos próprios.

EDUCAÇÃO

O apoio de Vitae à Educação concentra-se na melhoria do ensino fundamental e médio e compreende as seguintes prioridades:

Aperfeiçoamento da educação técnica

Projetos voltados para a modernização curricular e tecnológica de escolas públicas ou filantrópicas de formação profissional de nível médio. Apoio ao desenvolvimento e à adaptação de tecnologias por meio da implantação de modelos padronizados de laboratórios de tecnologias básicas (física e química aplicadas, bromatologia, microbiologia, mecânica hidráulica e outros) e laboratórios de tecnologias especializadas (informação e comunicação de dados, programação em microcomputação, automação da produção e controle de processos).

Disseminação do conhecimento científico e tecnológico

Projetos de expansão e consolidação de centros e museus de ciências voltados para a promoção do ensino de ciências e a difusão do conhecimento científico e tecnológico. O patrocínio se dirige ao aperfeiçoamento do acervo de recursos didáticos, desenvolvimento de programas de capacitação de professores e implantação de áreas de exposições para o público escolar.

Modelos alternativos de escola e inovações pedagógicas

Iniciativas de desenvolvimento e implementação de novas estruturas curriculares e formas alternativas de organização e gestão escolar, principalmente em zonas rurais.

Capacitação de professores

Atualização e capacitação de professores, especialmente da rede pública e particularmente nas áreas de Ciências, Matemática e Língua Portuguesa.

No campo da educação superior, Vitae desenvolve com as Fundações Andes e Antorchas o Programa de Cooperação Científico-Acadêmica.

COMO SOLICITAR APOIO

É possível solicitar o apoio de Vitae a projetos isolados ou inseridos nos programas especiais da entidade.

Projetos isolados: devem enquadrar-se nas linhas de atuação acima descritas e demonstrar o empenho da instituição proponente em viabilizar sua execução mediante aporte financeiro próprio ou de terceiros. Podem ser encaminhados a Vitae em qualquer época do ano, acompanhados do formulário-padrão devidamente preenchido.

Programas: são concursos anuais com regulamentos e prazos próprios, organizados por Vitae. Requerem o preenchimento de formulários específicos, que podem ser solicitados por correio, ou obtidos diretamente no site ou retirados no escritório de Vitae. Os formulários de cada programa só estarão disponíveis durante o período respectivo de inscrição. São dois os programas na área de educação: Programa Vitae de Apoio ao Ensino Técnico e Agrotécnico e o Programa de Cooperação Científico-Acadêmica entre Argentina, Brasil e Chile.

PROMOÇÃO SOCIAL

A atuação de Vitae na área social concentra-se em duas linhas prioritárias: assistência a crianças e jovens de famílias de baixa renda e promoção da integração social de portadores de deficiências.

Assistência a crianças e jovens

As diretrizes de Vitae nessa área seguem o Estatuto da Criança e do Adolescente, e seu patrocínio destina-se a projetos de:

Educação Complementar

Apoio a instituições que oferecem a crianças e jovens de 7 a 16 anos serviços que complementam o ensino formal, por meio de reforço escolar, atividades esportivas e de lazer, e preparação pré-profissional. As instituições que prestam estes serviços na Grande São Paulo podem participar do programa específico para essa região.
Treinamento Profissionalizante

Capacitação profissional e atividades complementares à escolarização formal, para jovens de 16 a 20 anos incompletos.

Integração social do portador de deficiência

Mediante capacitação profissional e difusão de informações para a conscientização da comunidade, os projetos apoiados por Vitae visam à integração social do portador de deficiência física, sensorial, mental ou múltipla. Vitae, porém, não financia projetos relacionados com o atendimento a portadores de deficiência mental grave, nem de natureza terapêutica, tais como reabilitação clínica, tratamento médico e aquisição de próteses.

COMO SOLICITAR APOIO

É possível solicitar o apoio de Vitae a projetos isolados ou inseridos nos programas especiais da entidade.

Projetos isolados: devem enquadrar-se nas linhas de atuação acima descritas e demonstrar o empenho da instituição proponente em viabilizar sua execução mediante aporte financeiro próprio ou de terceiros. Podem ser encaminhados a Vitae em qualquer época do ano, acompanhados do formulário devidamente preenchido.

Programas: são concursos anuais com regulamentos e prazos próprios, organizados por Vitae. Requerem o preenchimento de formulários específicos, que podem ser solicitados por correio, ou obtidos diretamente no site ou retirados no escritório de Vitae. Os formulários de cada programa só estarão disponíveis durante o período respectivo de inscrição. O Programa na área de promoção social é o de Apoio a Projetos de Atendimento a Crianças e Jovens de 7 a 16 anos – Grande São Paulo.